COMPARTILHE

Como o RIS na Radiologia traz vantagens para as instituições?

Por Clodoaldo Domingo Filho (Diretor Executivo Ecoimagem) em 10 de outubro de 2017

Aumento de produtividade com RIS na radiologia

Superar obstáculos de funções operacionais, tornar a instituição mais estratégica, aumentar a produtividade, alcançar mais precisão nos planejamentos financeiros. Parece uma situação ideal, porém inalcançável? São exatamente esses alguns dos benefícios que um sistema RIS na radiologia (Radiology Information System ou Sistema de Informação de Radiologia) pode oferecer para os centros de diagnósticos de imagem.

 

O RIS na radiologia, basicamente, coloca a instituição de saúde no mesmo patamar tecnológico que cases de sucesso do setor. A automatização do fluxo de trabalho e a integração com outros sistemas são apenas o começo do que está sendo utilizado de mais moderno. Não é o futuro, mas o presente que exige que os trabalhos e preenchimentos manuais fiquem para trás. Com menos erros e mais resultados, O RIS traz um padrão para procedimentos dentro de todo o fluxo: agendamento, recepção, atendimento, diagnóstico, laudo e paciente.

 

A integração é igualmente importante e merece destaque quando se fala sobre o RIS na  radiologia. A padronização permite mais produtividade e as integrações otimizam os resultados de forma superior. Se surgir uma demanda específica de um sistema ou ferramenta que não se encontra na solução, é possível reunir toda a padronização de informações do RIS, dados, relatórios gerenciais, etc, em um só local. O que irá permitir uma flexibilidade maior para as ações estratégicas e diferenciadas de cada instituição.

 

Se você já começou a se perguntar por onde começar o processo de Radiologia Digital? Recomendamos a leitura do material “Digitalização na radiologia: por onde começar?”.

 

RIS na radiologia: novas formas de utilização dos recursos

 

Não apenas os médicos, recepcionistas e pacientes são beneficiados com o RIS na radiologia. Um dos grandes potenciais da ferramenta é oferecer informações estratégicas para administradores. No artigo “7 dicas do uso do RIS para administradores”, estão listadas algumas das formas de otimizar as funcionalidades da tecnologia.

 

Se o RIS na radiologia é um sistema que promove a produtividade de ponta a ponta, a gestão administrativa não poderia ficar de fora. Com tantas vantagens listadas, é importante que se tenha uma visão macro de cada uma delas. Para um administrador, acompanhar os detalhes e trabalhar com um fluxo padronizado torna mais fácil ser preciso em relatórios, aproveitar oportunidades e identificar gargalos.

 

Entre os 7 pontos listados, foram destaque: o controle dos agendamentos, um call center com mais recursos e agilidade em atendimento, as estatísticas gerais, como cancelamentos e quais foram os motivos, aumentando as perspectivas de melhorias, aumentar a taxa de comparecimento de pacientes com a confirmação via SMS ou e-mail, uma recepção muito mais ágil e ciente do que está acontecendo dentro da instituição, controle de materiais e estoque em relação aos custos e a parte financeira, em que há métricas para a gestão, indicando o que está gerando lucro ou exigindo mais gastos.

 

RIS na radiologia: quais as principais vantagens

 

Anteriormente, foram enfatizadas algumas das características positivas do RIS na  radiologia, lembrando, inclusive, que o uso alcança muito mais que a relação médico-paciente, mas toda a administração. Agora, serão abordadas as vantagens objetivas que uma instituição adquire após a implantação do RIS. Saiba mais:

 

1. Principal vantagem: manter as informações atualizadas em tempo real. Não só mantê-las, mas consultá-las e poder extraí-las instantaneamente do RIS na radiologia. Com isso, se consegue tomar uma ação imediata diante de alguma situação peculiar ou que necessite de gerenciamento. Exemplo: abrir mais espaços para consultas ao verificar que a agenda está ociosa, focar no atendimento de um convênio ou identificar que determinado setor ou colaborador não está produzindo de forma constante diariamente.

 

2. Agilidade e qualidade das informações. O RIS na radiologia proporciona uma facilidade maior no acesso das informações, além delas se tornarem mais confiáveis. Com isso, há um direcionamento muito maior das necessidade e oportunidades da instituição, por exemplo, ao aplicar uma pesquisa de satisfação integrada ao sistema. Há um gerenciamento das agendas simplificado, mais eficiência no atendimento, controle por meio de pesquisas e o RIS, quando integrado com PACS, fornece mais insumo para o médico fornecer laudos com mais rapidez e precisão.

 

3. Pesquisa rápida de histórico. O RIS na radiologia auxilia bastante o colaborador e o médico a partir do momento que se consegue resgatar todas as informações mais rapidamente e, inclusive, com filtros. Antigamente, eram utilizadas atas e muitas informações ficavam apenas na memória dos colaboradores. Hoje, com o CPF, é possível encontrar todo o histórico do paciente.

 

4. Aumento de produtividade em todos os setores. Todo fluxo dentro da instituição de saúde se torna mais produtivo e com menos erros. Afinal, existem mais barreiras que podem interromper incongruências e, com isso, gerar mais agilidade. O paciente é agendado com muito mais rapidez, consegue-se antecipar fornecer informações em tempo real, o médico é integrado pelo PACs e consegue otimizar seu tempo e, por tudo isso, a satisfação é geral.

 

Nos dias atuais, é uma evolução adotar o RIS na radiologia, mas não é uma inovação. Tornou-se uma obrigação. As instituições de saúde não irão conseguir se manter sem a  tecnologia e com todos os gargalos do fluxo. Há ainda a redução de custos. O sistema requer investimento, mas irá certamente auxiliar no controle de números e consequentemente menos gastos e mais oportunidades.

 

marcação web de exames

 

COMPARTILHE

Veja também

Acompanhe as novidades sobre nossos produtos e novas parcerias

Por que é importante procurar por tecnologias confiáveis escaláveis em radiologia médica?

Radiologia médica: você está pensando nisso? Contar com tecnologias escaláveis e confiáveis é pensar em longo prazo.

Como alcançar produtividade e redução de custos em laudo de exame?

Mais produtividade e redução de custos em laudo de exame, é possível? Mostramos que sempre é possível fazer mais e com menos gastos.

Avanços tecnológicos na saúde: soluções cloud computing para radiologia

O cloud computing é um dos avanços tecnológicos na saúde quando falamos em radiologia? Explicamos mais em nosso material gratuito sobre o assunto.

Acompanhe a Pixeon. Leia mais artigos ›