COMPARTILHE

A importância do Bussines Intelligence na gestão da saúde

Por Pixeon em 21 de agosto de 2015

sistema de gestão hospitalarConsiderando as mudanças econômicas constantes, o volume cada vez mais crescente de informações e a pressão do mercado por decisões efetivamente produtivas e rentáveis, o Business Intelligence, ou BI, torna-se indispensável para auxiliar gestores a visualizar cenários complexos e dar diferentes significados para cada etapa da administração hospitalar.

 

Os sistemas de informação podem ser classificados de acordo com o conteúdo que será levado em consideração. Em Business Inteligence, a classificação dos sistemas de informação geralmente acompanha a pirâmide organizacional, composta pelos níveis operacional, gerencial (tático) e estratégico da corporação.


Operacional, o que mede os processos

 

Formado por operações rotineiras, normalmente trabalha com um grande volume de operações de entrada e saída. Se caracteriza pela visualização mais analítica das operações rotineiras com sumarizações quantitativas e/ou valoradas.

 

Gerencial ou Tático, o que acompanha o funcionamento dos processos

 

Formada por operações de apoio, cria os mecanismos de gerenciamento das organizações, tal como análise de clientes, produtos ou mercado e lucro efetivo por ação.

 

Estratégico, o que traz  indicadores gerenciais e insights para e tomadas de decisão

 

Formada por operações estratégicas: apoia a alta diretoria filtrando as informações fundamentais e altamente importantes para a tomada de decisões.

 

Um dos pontos mais forte do Business Intelligence é a capacidade de fornecer novas informações partindo de um conjunto de dados estático. E para isso, essa ferramenta permite visualizar os mesmo dados por uma ótica diferente, gerando novas perspectivas e análises em uma instituição de saúde, como por exemplo: uma visão pela ótica do atendimento, do médico, dos pacientes, convênios e uma série de outros atores distintos, cada qual trazendo um insight diferente para o negócio.

 

Utilizando um sistema de gestão, é possível ter dashboards – que reúne toda a Big Data da instituição – altamente visuais que não trazem apenas informações automáticas, mas ideias de atuação. Números e estatísticas só fazem sentidos quando aliados a um tratamento de dados – e é o Business Inteligence que faz isso. A inteligência de informação sumariza os dados, os sintetiza e gera informação relevante para todas as áreas de interesse no negócio, convertendo-as em tendências.

 

Em suma, por meio da coleta, organização, análise e compartilhamento de dados de diversos sistemas, o BI oferece informações qualitativas que permitem decisões mais seguras e ações bem direcionadas para traçar metas e alcançar resultados. Dessa forma a organização se mantém competitiva diante da concorrência e capaz de visualizar novas oportunidades, deficiências e oportunidades, ampliando e otimizando sua atuação.


Saiba como o Bussiness Inteligence pode impactar positivamente no seu negócio: entre em contato com a nossa equipe de especialistas!

 

Conheça também:

call35

 

COMPARTILHE

Veja também

Acompanhe as novidades sobre nossos produtos e novas parcerias

Pré-requisitos para escolher um bom parceiro de TI na saúde

Quais os pré-requisitos para escolher um parceiro de TI na saúde? Elencamos pontos importantes para a relação fornecedor-instituição.

8 principais acertos do CIO Hospitalar

David Oliveira – consultor e fundador da DECIDA e sócio-diretor da ItechMed – listou os principais acertos do CIO Hospitalar. Confira o infográfico.

Tecnologias de gestão em saúde eficazes para hospitais

As tecnologias de gestão em saúde são fundamentais para garantir a eficácia do hospital. Saiba quais os principais equipamentos e como utilizá-los.

Acompanhe a Pixeon. Leia mais artigos ›